CBG – Colégio Brasileiro de Genealogia: Roberto Dillenburg Heberle
Sócios Colaboradores

Roberto Dillenburg Heberle

Filho de Anselmo Heberle e Leda Dillenburg Heberle, nasceu em Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, em 30 de maio de 1954.

Cursou a Faculdade de Direito da Universidade do Vale dos Sinos – Unisinos, sem ter chegado a graduar-se.

Gerente da Indústria e Comércio de Guardas Chuvas Mac Ltda, pertencente à família, em Porto Alegre-RS, empresa iniciada em 1979 e desativada em 1983.  Micro Empresário no ramo de Representação Comercial de 1983 a 1996. Atualmente trabalha no ramo de transporte.

Faz trabalhos renumerados de Pesquisas e Árvores Genealógicas Germânicas, bem como preparação da montagem de Livros de Genealogia, com Histórico e Origem para terceiros.

Membro/associado de: Instituto Genealógico do Rio Grande do Sul, com sede em Porto Alegre, do qual é um dos fundadores; CAPEF- Centro de apoio a pesquisas e encontros familiares – Teutônia-RS; Memorial do Imigrante de São Paulo-SP; Centro de Pesquisas Sertões de Leste-Minas Gerais-MG; Instituto Histórico e Geográfico de Santos-SP; Instituto Genealogia de Santa Catarina-SC; Instituto Martius- Staden-São Paulo-SP; Arquivo Público do Estado de São Paulo SP; ASBRAP – Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia- São Paulo-SP. Associou-se ao Colégio Brasileiro de Genealogia em 1989, desligando-se em 2001 e retornando em 2009.

Desde 1982 tem se dedicado a fazer pesquisas genealógicas das Famílias Germânicas no Brasil, tendo como orientador Hugo Egon Petry, hoje já falecido, ex- Presidente do Instituto Genealógico do Rio Grande do Sul.

Mantém intercâmbio de informações com Arquivos Públicos Estaduais e Municipais, e com as Comunidades Evangélicas e Cúrias Metropolitanas, além de contatos com historiadores e genealogistas no exterior.

Participante de:

  • I Jornada de Estudos Genealógicos – Genealogia e Conhecimentos, promovida pelo Arquivo Histórico da Cúria Metropolitana de Porto Alegre-RS e pelo Instituto Genealógico do Rio Grande do Sul, em 2007;
  • II Jornada de Estudos Genealógicos – Genealogia e Paleografia, promovida pelo Arquivo Histórico da Cúria Metropolitana de Porto Alegre-RS,e pelo Instituto Genealógico do Rio Grande do Sul, 2m 2008;
  • III Jornada de Estudos Genealógica – Genealogia Alemã,promovida pelo Arquivo Histórico da Cúria Metropolitana de Porto Alegre-RS, e pelo Instituto Genealógico do Rio Grande do Sul, em 2009;
  • V Jornada de Estudos Genealógicos –  Genealogia Luso-Brasileira, promovida pelo Arquivo Histórico da Cúria Metropolitana de Poro Alegre RS. e Instituto Genealógico do Rio Grande do Sul, em 2011;
  • VI Jornada de Estudos Genealógicos – Genealogia Açoriana, promovida pelo Arquivo Histórico da Cúria Metropolitana de Porto Alegre-RS, Oficina das Origens e Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul, em 2012;
  • Seminário Genealogia: História e Identidade, realizado pela Associação dos Amigos do do Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul, em 2012.

Atualmente dedica-se ao estudo das árvores genealógicas das seguintes Famílias: Achenbach,  Bender, Blos, Blauth, Blaudt, Berta, Bibel, Corrêa, Dillenburg, Diefenthaeler, Diefentäler, Ethur, Enck, Eberle, Eblê, Ebling, Engeroff Fuchs, Franzen, Heberle, Heberlê, Henzel, Hensel, Keller, Kunzler, Reichardt, Reisswitz, Ruschel, Schmitt, Smidt, Schirmer, Schapke, Weber, Werlang, Würdig, Würding von Reisswitz, von Reiswitz, Zerwes.

Autor de:

  • Os Dillenburg no Brasil – 1996;
  • Os Diefenthaeler/Diefenthäler no Brasil – 1997;
  • Os Franzen no Brasil – 2008 – livro que recebeu o “Prêmio Colégio Brasileiro de Genealogia” de 2010, como a mais representativa obra genealógica do triênio 2007-2009.