CBG – Colégio Brasileiro de Genealogia: Cinara Maria Bastos Jorge
Sócios Colaboradores

Cinara Maria Bastos Jorge

Nasceu em Três Rios, Estado do Rio de Janeiro, em 1º de setembro de 1953, filha de Edson Jorge (1929) e Leonor Bastos Jorge (1930/1994). Neta paterna de Elias Jorge e de Cecília Elias Jorge. Neta materna de Maria da Conceição Bastos e de Antenor Ferreira da Costa. Mãe de Roberta Jorge do Nascimento (1975) e Ciro Jorge do Nascimento (1981), e avó de Danilo Jorge do Nascimento Silva (2012).

Estudou no Colégio Entre Rios, na cidade natal, desde o 1º grau, vindo a formar-se em Técnica em Contabilidade em 1970.

Por muitos anos trabalhou nas empresas familiares, todas ligadas à comunicação e em 1982, por concurso público, ingressou na Prefeitura Municipal de Três Rios, exercendo diversas funções até 1992 quando, também por concurso público, passou a trabalhar no Tribunal Regional do Trabalho – 1ª Região, em Petrópolis – RJ.

Aposentou-se em 1996 e passou a dedicar-se à Genealogia, associando-se ao Colégio Brasileiro de Genealogia em 2006, integrando a Diretoria na atual gestão 2012-2013.

Com os estudos genealógicos, surgiu o interesse histórico por sua região, que se estende por toda a antiga Parahyba do Sul. É diretora, produtora e apresentadora do programa “Revendo a História” no Canal 5 de TV por cabo onde a cada semana apresenta in loco monumentos, praças, estradas, construções, sempre relatando a origem e o desenvolvimento do lugar.

Em 2011, recebeu da Câmara de Vereadores de Três Rios a Comenda Condessa do Rio Novo, o mais alto título concedido por aquela Casa.

É membro do Instituto Histórico de Petrópolis (2013) e da Academia Petropolitana de Letras (2014). Ocupa desde 2016 a Cadeira número 15 do  Instituto Histórico e Geográfico do Rio de Janeiro, cujo patrono é D. Pedro II.

Fotografou, estudou e arquivou todas as Atas de reuniões da Câmara de Vereadores de Paraíba do Sul, desde sua fundação em 1833. Seu atual projeto é complementar  sua própria genealogia, com a edição de um volume contendo seu lado materno, uma vez que a genealogia paterna já foi publicada. Em seguida, a compilação  dos episódios do programa de TV local  “Revendo a História”, acima citado.

Após sete anos de pesquisas e coleta de informações histórico-genealógicas, lançou em 2012 seu primeiro livro sobre a família de Mariana Claudina Barroso Pereira,  onde mostra com documentos a genealogia e os feitos dos primeiros povoadores de sua cidade.

São de sua autoria os livros:

  •  Pioneiros dos três rios – A Condessa do Rio Novo e sua gente – 2012;
  • Sementes de Cedro – Árabes na Província do Rio de Janeiro- 2017.