CBG – Colégio Brasileiro de Genealogia: Ana Maria Pessoa dos Santos
Sócios Colaboradores

Ana Maria Pessoa dos Santos

Arquiteta, Mestre em Comunicação e Cultura pela Escola de Comunicação da UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro, com a dissertação Sob a luz das estrelas Carmen Santos e o cinema brasileiro silencioso (1919-1942). Doutora pela mesma faculdade, com a tese Cartas do sobrado, sobre correspondência e memória social, defendida em 2000.

Iniciou sua trajetória profissional na Cinemateca do MAM – Museu de Arte Moderna, em 1976; em seguida, ocupou cargos gerenciais em instituições governamentais: Embrafilme, Fundação do Cinema Brasileiro, Instituto Brasileiro de Arte e Cultura e Funarte, onde coordenou inúmeros projetos de pesquisa, edições de livros e catálogos, exposições, cursos, seminários e mostras nas áreas de cinema e artes cênicas. A partir de 1996, passou a integrar o quadro de pesquisadores da Casa de Rui Barbosa. Entre outras atividades, coordenou a edição do site da Casa de Rui Barbosa, implantado em 1997, e, a partir de 1999, representou a instituição, como substituta da Presidência, na Comissão Nacional de Incentivo à Cultura-CNIC, do Ministério da Cultura, até 2003, quando assumiu a diretoria do Centro de Memória e Informação, da Casa de Rui Barbosa.

Tem trabalhos, artigos e livros publicados, como Cartas do sobrado (Edições Casa de Rui Barbosa, 2009), Palliere e o Brasil (Editora Capivara, 2011), com Pedro Correia do Lago e Júlio Bandeira, e II Encontro Luso Brasileiro de Museus Casas: Jardins privados do século XIX. Org. (Edições Casa de Rui Barbosa, 2011)

É líder o grupo de pesquisa Museu-casa: memória, espaço e representações, voltado ao estudo integrado do Museu Casa de Rui Barbosa e seu jardim, onde coordena as linhas de pesquisa Formas de morar no Rio de Janeiro oitocentista e A casa senhorial em Lisboa e no Rio de Janeiro: anatomia de interiores. É pesquisadora associada do Laboratório de Estudos Urbanos (LeU) – Cultura Urbana e Pensamento Urbanístico no Brasil, FAU-Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRJ, e do grupo de pesquisa História do Paisagismo, da EBA – Escola de Belas Artes da UFRJ.

Associou-se ao Colégio Brasileiro de Genealogia a 12 de abril de 2011.