CBG – Colégio Brasileiro de Genealogia: Ary Florenzano
Patronos

Ary Florenzano

Nasceu em Lavras, Minas Gerais, em 22 de maio de 1894 e lá também faleceu.

Iniciou sua vida profissional como caixeiro viajante. Serviu depois como escrivão interino do Cartório do 1º Ofício de sua cidade natal e avaliador judicial. Foi também inspetor escolar, fiscal da Prefeitura e escriturário na municipalidade.

Pesquisador incansável, publicou:

  • Certidões Mineiras – completando e ampliando a Genealogia Paulistana de Silva Leme – Revista do IEG, 3/6, 1938/9;
  • Genealogia Mineira – Paiva e Silva – Revista Genealógica Brasileira 1, 1940;
  • Genealogia Mineira – Taveiras – Anuário Genealógico Brasileiro 8 e 10, 1946 e 1948;

Deixou inédito um códice com notas ao original existente na Biblioteca Nacional intitulado Apontamentos da Matriz de Nossa Senhora do Pilar em São João Del Rei a partir de cópia do original por Samuel Soares de Almeida.

Foi eleito correspondente do Colégio Brasileiro de Genealogia em 14 de julho de 1957 e teve seu nome indicado para patrono desta Cadeira na Assembléia Geral Extraordinária de 18 de agosto de 1988. Ao falecer, deixou valioso arquivo, adquirido da família pelos sócios CBG Luiz e Vera Valente, de Campinas.